Como desenvolver Soft Skills fazendo uma viagem de estudos?

Um bom profissional não é aquele que tem apenas grande conhecimento técnico na área em que atua. Ele também deve possuir habilidades comportamentais que melhoram seu desempenho no dia a dia do trabalho. Desenvolver soft skills é essencial para se destacar no mercado e tornar-se um bom profissional e líder.

Neste artigo, vamos explicar o que são soft skills e mostrar como elas podem ser aprimoradas por meio de uma viagem de estudos. Boa leitura!

O que são Soft Skills?

As soft skills são habilidades não técnicas que um profissional precisa desenvolver para desempenhar um bom trabalho.

Por exemplo: um gestor pode dominar toda a teoria de administração de empresas e ter dificuldade em delegar tarefas aos colaboradores. Dessa forma, o trabalho da equipe que ele lidera pode ficar desorganizado, o que gera atrasos e erros inesperados.

Um estudo publicado pelo Wall Street Journal, realizado com quase 900 executivos, apontou que 92% acham que as soft skills são mais ou igualmente importantes comparadas às hard skills (habilidades técnicas), mas 89% apontam ter dificuldade para encontrar pessoas com as qualidades necessárias.

Exemplos de Soft Skills importantes

Segundo a revista Forbes, algumas das soft skills mais requisitadas são:

Comunicação

A boa comunicação verbal e escrita é uma das mais importantes habilidades que um profissional deve desenvolver para desempenhar um bom trabalho. Em tempos de digitalização, saber se comunicar virtualmente é imprescindível, principalmente para líderes e gestores.

Ter a capacidade de se fazer claro, falar de forma objetiva e saber interpretar o que o outro diz são características que demonstram essa habilidade.

“Falar a língua” da empresa e da equipe e saber conduzir a comunicação de forma democrática garante um entendimento de todos e facilita as trocas.

Intercultural Awareness

Com clientes, fornecedores e parceiros de negócios em diferentes países, é cada vez mais importante para o profissional saber lidar com culturas, etnias e religiões de outras partes do mundo. Mais do que apenas “respeitar” as diferenças, as melhores práticas de gestão apontam para a diversidade como um ativo importante para o sucesso de uma organização. Assim, o gestor com grandes habilidades e experiências interculturais pode liderar projetos com mais competência, impulsionando sua carreira. 

Ética no trabalho e engajamento

Pontualidade, foco, gestão de tempo. Todas essas características estão ligadas à ética no trabalho. Saber como se comportar frente às situações adversas e conflitos e se dedicar para fazer o melhor são atitudes que demonstram essa habilidade comportamental tão importante.

Mais uma vez citando a realidade crescente do trabalho remoto e híbrido, organizar e gerir o tempo, estar disponível nos horários estipulados, atentar-se às entregas e ser pontual são posturas importantes para que os resultados sejam satisfatórios.

Trabalho em equipe

Uma empresa não funciona com uma pessoa só e saber dividir o trabalho com outros profissionais é imprescindível para alcançar bons resultados.

Entender quais são suas funções e como cada uma delas influencia no trabalho dos colegas, ter responsabilidade com prazos e qualidade nas entregas para não prejudicar a equipe, saber se comunicar de forma educada e objetiva, ter empatia e respeitar a diversidade de pessoas e ideias é a chave para desempenhar o trabalho de forma completa e satisfatória.

Gestão de Crises

O pensar criativo, ágil, calmo e responsável é o que diferencia um profissional em momentos de crise. Saber prever e traçar estratégias para lidar com possíveis crises e ter tranquilidade e criatividade para resolver problemas inesperados é imprescindível para as empresas.

Saber lidar com problemas é uma característica que chama a atenção e destaca profissionais no mercado. Profissionais e empresas preparados mantêm-se mais estáveis.

Além dessas, outras soft skills importantes para que os profissionais se destaquem no ambiente corporativo são:

  • Autoconhecimento
  • Resiliência
  • Planejamento
  • Gestão do tempo
  • Criatividade
  • Liderança
  • Proatividade

Como uma viagem de estudos ao exterior pode me ajudar a desenvolver Soft Skills?

Uma viagem ao exterior vem acompanhada de muitas experiências, começando pelo planejamento financeiro antes da viagem, pela organização das documentações e a gestão do tempo para resolver questões pré-viagem. Chegando no destino será necessário se adaptar ao fuso horário, a alimentação e a nova rotina. E, na universidade, a comunicação com pessoas de diferentes culturas e idiomas, a realização de trabalhos em equipe e apresentações individuais e em grupo.

Viver essa experiência tirando o máximo dela pode te ajudar a desenvolver muitas habilidades, que serão fundamentais na sua vida pessoal e profissional.

E se você quer investir na sua carreira e estudar no exterior com bolsa de estudo, pode se juntar a alunos de mais de 70 países, que anualmente participam dos programas de curta duração da IBS Americas.

Entre os nossos programas, conheça o curso International Management & Leadership. Oferecido na Europa em cooperação com a CUOA Business School, ele representa uma oportunidade única para reunir conhecimentos teóricos e experiências práticas no convívio com pessoas de outros países, culturas, religiões e etnias.

Clique aqui e conheça as mais de 25 opções de cursos de curta duração, ministrados em universidades parceiras dos Estados Unidos e Europa. Participe do nosso processo seletivo e conquiste um certificado internacional!